Carregando...
HotelariaNotícias

Corpus Christi movimenta hotéis em todo o país e mantém média de ocupação dos últimos feriados

Corpus Christi mantém ritmo aquecido na ocupação hoteleira de todo o país - Foto: João Pessoa - Higor Pereira/Reprodução Instagram

Nos últimos feriados nacionais (Páscoa e Tiradentes), a média de movimentação nos hotéis girou em torno de 80%, chegando a 90% em alguns destinos

Mantendo o ritmo de aquecimento no setor de Turismo, o feriado prolongado de Corpus Christi deste ano, de (16) a (19) de junho, registrou taxas médias de ocupação na hotelaria nacional em torno de 80% chegando, inclusive, a ocupação total em alguns tradicionais destinos. O índice se assemelha ao alcançado nos últimos dois feriados nacionais do mês de abril (Páscoa e Tiradentes) que alcançaram até 90% de reservas de leitos em algumas cidades.

Levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH Nacional) apontou taxa de ocupação de 80% para hotéis sediados nas cidades paulistas de São Paulo, Campinas e Ribeirão Preto, com destaque para Campos do Jordão, que alcançou 100% de ocupação. Já no estado do Rio de Janeiro, os índices chegaram a 85%, com destaque para as cidades da região serrana, como Itatiaia, Miguel Pereira, Friburgo, Teresópolis e Valença, que tiveram quase 100% dos quartos reservados. Outro destaque foi o estado de Goiás, que apresentou índices próximos a 90%.

A Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA) também apontou índices semelhantes na movimentação da rede hoteleira no período. Segundo a entidade, em regiões turísticas do estado de Alagoas a ocupação chegou a 88% e na Serra Gaúcha o índice foi de até 90%.

Já em Minas Gerais, a Associação Mineira de Hotéis de Lazer (AMIHLA) estimou uma ocupação em torno de 93%. Em Foz do Iguaçu (PR), por sua vez, pelo menos 70% dos quartos foram reservados de forma antecipada, segundo a Secretaria Municipal de Turismo e Projetos Estratégicos local.

Como reforço à retomada das atividades turísticas em todo o país, o ministro do Turismo, Carlos Brito, destaca a criação do Selo Turismo Responsável. “É uma ferramenta extremamente importante para promoção de um ambiente mais seguro para o retorno das viagens em todo o país, na medida em que estabelece protocolos de biossegurança no setor que protegem turistas e trabalhadores contra a Covid-19”, destaca.

SELO TURISMO – Lançado ainda em 2020, o Selo Turismo Responsável, Limpo e Seguro está disponível para 15 atividades turísticas, como meios de hospedagem. Cada segmento possui um protocolo sanitário específico, elaborado em parceria com empresas e instituições ligadas ao setor, a partir de diretrizes internacionais. Os documentos foram validados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Atualmente, já foram emitidos mais de 31,6 mil selos para empreendimentos e guias de turismo em todo o país. Para conhecer os protocolos clique AQUI.

MTur

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.